geekices

uBlock bloqueia acesso ao SourceForge

O zombie chamado SourceForce, que outrora foi um dos maiores repositórios online de software livre, está cada vez mais próximo da “extinção”. A plataforma começou a definhar em 2012 e agora parece cada vez mais estar num ponto sem retorno.

Desde que foi vendido, o SourceForge tem-se visto envolvido nalgumas situações polémicas e vários projetos já o abandonaram ou estão em vias de o abandonar. Um dos mais populares foi o GIMP, em 2013, devido a preocupações com a publicidade usada no site. Seguiu-se uma build para Windows desta aplicação, porque os responsáveis pelo site incluíam um instalador para o programa que injeta adware nos computadores dos utilizadores.

Estes não são casos únicos. O Nmap , VLC e Notepad++ deixaram de utilizar o SourceForge devido a receio de uma situação semelhante à do GIMP para Windows.

A mais recente machadada no morto-vivo que é o SourceForge foi dada pelo bloqueador de publicidade que uso, o uBlock Origin. Esta extensão passou a incluir uma regra para bloquear o acesso a este site.

Não sei dizer em que dia os filtros do uBlock Origin passaram a bloquear o acesso ao SourceForge, nem qual dos filtros tem a regra, mas na semana passada conseguia aceder ao site e hoje já não.

geekices, software livre

Leanote, uma alternativa de código aberto ao Evernote

Julgo que já lá vão 2 ou 3 anos desde que ando à procura de uma aplicação de código aberto para usar em substituição do Evernote. Cheguei a analisar algumas, mas ficavam sempre aquém do que necessito. Até que “tropecei” por acaso no site alternative.to e reparei no Leanote.

Esta aplicação, escrita em Golang e com base de dados MongoDB, permite aos utilizadores alojarem a sua própria instância ou usar o site leanote.com para registar conta. Para além disso, ainda tem cliente para desktops GNU/Linux, Mac OS X e Windows – sendo que este segundo é desenvolvido com recurso a tecnologias web mais “tradicionais”.

Um dos pontos negativos deste software é ainda não ter binário para Android. Contudo, existe um repositório no Github onde esta aplicação móvel está a ser desenvolvida e os mais destemidos podem compilá-la.

Apesar do aspeto um pouco menos aprimorado da aplicação web, já troquei o Evernote pelo Leanote. Admito que os alarmes nas notas, como o Evernote tem, dariam jeito. A fluidez deste interface, o suporte para Markdown e uma quota maior de espaço mensal para notas e anexos [no caso do leanote.com], no entanto, fazem esquecer isso facilmente. Recomendo.